Controle Social da Gestão Pública

O Programa Controle Social da Gestão Pública desenvolve ações de qualificação de sujeitos individuais e coletivos para a intervenção nos espaços de decisão do processo orçamentário nas etapas de elaboração, aprovação e execução, nos três níveis de governo. Também promove o debate na sociedade sobre a transparência e o combate à corrupção na gestão pública, através do estímulo à formação de fóruns e redes de controle social e da produção de estudos e análises que permitam difundir conhecimentos sobre a temática. As diversas ações do programa já envolveram mais de 2000 lideranças, urbanas e rurais, e conselheiros/as dos diversos segmentos das políticas públicas.

O CENTRAC é referência estadual no que concerne a ações de controle social e qualificação das intervenções, sendo requisitado por gestores municipais e estaduais para ações de assessoria e consultoria nessa temática, além da construção de ferramentas metodológicas que propiciam a participação e o controle social na gestão pública, a exemplo do Orçamento Participativo (OP).  O controle social é também transversal em todas as ações do CENTRAC com os diferentes públicos participantes das ações institucionais.